sexta-feira, 4 de outubro de 2013

DOSES HOMEOPÁTICAS


4 comentários:

  1. É o que se chama pelos lados daqui de "dilema corneliano", ou seja, essa escolha impossível entre dois valores de igual importância.

    Na minha insignificância, se ouso, então digo-te que prefiras o Tempo como escolha: este sempre remete todas as coisas ao verdadeiro lugar delas.

    Talvez um pouco amargo, porém soberbamente lúcido teu poemeto, minha querida Lílian. Gostei também da ilustração que escolheste.

    Um beijo muito carinhoso, querida, bom fim de semana.
    André

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É fácil, para qualquer pessoa passar do desânimo para o desespero, mas eu não saberia qual escolheria. Qual seria o menos amargo? Gostei!

      Excluir
    2. É fácil para qualquer pessoa, passar do desânimo para o desespero. Muitas vezes, passamos por situações tão difíceis, tão angustiantes que perdemos a esperança de uma solução. Eu não saberia se seria melhor escolher o arsênico ou a cicuta. Qual seria mais suave?

      Excluir
  2. Obrigada, querido André!
    Vc, como sempre, engrandecendo este meu cantinho, com seus comentários que acrescentam.
    Beios muitos

    ResponderExcluir